https://www.manufaturaemfoco.com.br/wp-content/uploads/2015/03/capa_01.jpg

Há homens que reclamam



Há homens que reclamam da vida e desanimam as pessoas ao seu redor!
Há homens que reclamam da sorte e atemorizam todo um setor!
Há homens que culpam a concorrência desleal e desestimulam um departamento!
Há homens que culpam os gestores medíocres e desmotivam toda uma empresa!
Há homens que criticam a falta de recursos e revoltam todo um grupo organizacional!
Há homens que criticam a retração da economia e desesperam uma associação de empresas!
Há homens que reclamam do salário e desencorajam o trabalho!
Há homens que reclamam da esposa e desanimam os jovens de se casarem!
Há homens que criticam os filhos e desmotivam a natalidade!
Há homens que criticam os parentes e desencorajam a comunhão familiar!
Há homens que reclamam dos amigos e minam o espírito de equipe!
Há homens que desconfiam de tudo e destroem a fé!

Há homens que se contentam com uma desculpa convincente por falta de mérito para a honra!

Quase todos sabem porque vão aos estádios, porque entram nos shoppings centers, porque vão à praia e ao clube, porque vão às baladas, mas quase nenhum saberia dizer, claramente, porque nasceu e o que veio fazer na terra!
Que homenagem seria justa a esse tipo de homem, quando algum dia, não se sabe quando, a sua chama se apagar e o seu fôlego cessar? Quando se tem bem claro para si a missão e o papel que deve desempenhar, o homem se torna cego, surdo e mudo para tudo aquilo que o tentar desencorajar de seu objetivo.

Se queres que teu entorno contribua para o teu êxito, cale-se e venda! Cale-se e faça! Seja sempre positivo! Seja um grande sonhador! Danem-se os realistas! Toda mudança, todo grande êxito deve começar por alguém e esse alguém é você! A responsabilidade pelo teu entorno é sua! Ponto!


Não há comentários

Adicione o seu